A OUVIR 98.9 FM
           00:00:00 | 00:00:00        
      
  
 
        

Embaixadores, para que te quero?

Edição de 5 de julho de 2019
07-07-2019
 

A contratação milionária de João Félix trouxe grande visibilidade ao jovem de Viseu. A Câmara Municipal prontamente decidiu homenageá-lo e atribuir-lhe o estatuto de embaixador de Viseu. O futuro jogador do Atlético de Madrid não é o primeiro viseense a receber este título. O autarca da cidade, Almeida Henriques, já atribuíu a mesma distinção a outros conhecidos viseenses ou amigos da cidade. O autarca considera que o atleta do Benfica “é uma mais-valia” para a promoção do concelho e justificou o título atribuído a João Félix como “o justo reconhecimento por um jovem viseense que no desporto está a ter uma grande notoriedade nacional e internacional”.

A iniciativa de nomear embaixadores para a cidade foi lançada na BTL (Bolsa de Turismo de Lisboa) de 2017 quando Viseu foi a “Cidade Nacional Convidada”. O jovem junta-se a uma, já longa, lista de ilustres. Paulo Sousa, Diogo Rocha, Mário Trindade, Inês Mendes da Silva, Frederico Draw, Moullinex, Paulo Ferreira e Nuno Bico foram escolhidos como os primeiros “embaixadores” da cidade.

Inicialmente foram nomeados oito “Embaixadores de Viseu”, numa alusão ao octógno misteiroso da Cava de Viriato. Aos quais juntou-se um “Embaixador Tecnológico”, o TOMI, um tablet citadino em ponto grande, “made in Viseu”, e que tem conquistado várias cidades portuguesas e estrangeiras.

Integra ainda a lista, como embaixador honorário, o antigo campeão olímpico da Maratona nos Jogos Olímpicos de 1984, em Los Angeles, Carlos Lopes. Para o presidente da Câmara de Viseu, Almeida Henriques, criador da iniciativa, esta “é uma seleção de personalidades de luxo que dão a cara e o nome pela notoriedade e reputação de Viseu enquanto destino de visita e turismo”.

Segundo o jornalista Paulo Ferreira, ser embaixador “não é uma tarefa difícil porque Viseu é reconhecidamente uma cidade com muito para ver e fazer, onde as novas tendências convivem bem com a história”, conclui o jornalista da Rádio Observador.

Das personalidades, todos viseenses ou amigos da cidade, espera-se que promovam os atributos da cidade-jardim, da cidade vinhateira e da cidade de Viriato. Segundo a autarquia, os eleitos são “viseenses ou amigos com fortes afinidades a Viseu, com reconhecimento e reputação pública em diferentes setores sociais e profissionais que estão disponíveis para ajudar a concretizar uma estratégia de valorização e desenvolvimento de Viseu, enquanto cidade sociocultural e destino turístico”.

Já em 2019, ano em que Viseu é “Destino Nacional de Gastronomia”, a cidade apresentou novos embaixadores: a banda Galo Cant’Às Duas, formada por Hugo Cardoso e Gonçalo Alegre.

De acordo com a comunicação da Viseu Marca, que promove territorialmente o concelho, esta integração pretende levar a marca da cidade junto de novos targets, mais jovens e alternativos, seguidores dos Galo Cant’Às Duas e da nova música portuguesa. Através desta iniciativa, a banda irá associar-se a vários momentos promocionais, públicos e institucionais, sendo apresentada a potenciais parceiros e investidores.

A campanha promocional “Embaixadores de Viseu” vai prolongar-se no tempo, sem prazo definido para acabar, e tem o objetivo de “aumentar e qualificar o reconhecimento e a reputação de Viseu enquanto marca e destino de visita e de redescoberta turística”.

Os “embaixadores” comprometem-se a participar ativamente nas campanhas de promoção de Viseu que tenham objetivos de desenvolvimento sociocultural e turístico e a participar num evento público por ano, se possível, presencialmente.

Segundo a autarquia, o projeto foi acarinhado por um conjunto de personalidades viseenses ou amigos com fortes ligações a Viseu, com notoriedade e reputação pública em diferentes setores sociais e profissionais, disponíveis para ajudar a concretizar uma estratégia de valorização e desenvolvimento da cidade, enquanto pólo sociocultural e destino turístico.

Quem são eles

Paulo Sousa: nasceu na cidade de Viseu a 30 de Agosto de 1970 e começou por ser jogador de futebol no Repesenses. Tanto nas camadas jovens do Benfica como nas selecções nacionais foi presença habitual. Jogou também no Sporting, Juventos, Borussia Dortmund, Inter de Milão, Parma, Panathinaikos e o Espanyol. Em 2002 encerrou a carreira. Venceu duas edições consecutivas da Liga dos Campeões por equipas diferentes e fez parte da Selecção Nacional campeã do mundo de sub-20 em 1989. Depois da passagem por várias equipas, atualmente é treinador do Bordeaux.

Nuno Bico: nascido a 3 de julho de 1994 em Viseu, é um ciclista profissional português. É uma das maiores promessas do ciclismo nacional, que já passou por equipas de topo mundial como a Movistar. Destaca-se, como um dos momentos altos da sua carreira, a vitória nos campeonatos nacionais sub-23 de Portugal em estrada em 2015. Atualmente, corre para a equipa espanhola de categoria Profissional Continental a Burgos-BH.

Paulo Ferreira: jornalista nascido e criado em Viseu. Deixou a cidade quando terminou o secundário na Escola Alves Martins e rumou a Lisboa para fazer a licenciatura em Gestão de Empresas. Mas cedo optou por se dedicar ao jornalismo, ainda em Viseu, na Rádio NoAr. Foi director-adjunto do jornal Diário Económico e posteriormente no Jornal de Negócios e no Público. Foi para o canal público de televisão, onde entrou com as funções de editor de economia e comentador e posteriormente director de Informação da RTP. Actualmente, é jornalista na Rádio Observador.

Luís Clara Gomes: um dos mais reputados nomes da música eletrónica atual. Mais con hecido por Moullinex é produtor, dj e multi-instrumentista. Depois de dois á lbuns aclamados nacionalmente, Flora e Elsewhere, o terceiro álbum de Moullinex, Hypersex levou-o a percorrer o mundo inteiro. Nascido em Viseu, foi rodeado por música e músicos durante a sua infância e é desde tenra idade que se dedica à busca da sua própria sonoridade. Atualmente, divide-se entre Lisboa e Munique.

Inês Mendes da Silva: é a super-agente das celebridades. A viseense é filha de um advogado e de uma professora de inglês e aprendeu a tocar piano no Conservatório de Música da cidade e aos 15 anos participou no Cantigas e no Big Show SIC. Licenciada em Comunicação Social e Cultural na Universidade Católica, em 2005, teve a sua primeira oportunidade na área do entretenimento, na TVI, onde conheceu Cristina Ferreira. É a diretora executiva da Notable, a agência de consultores para as marcas e para personalidades que são marcas. A empresa gere os blogues Daily Cristina, Bons Rapazes, de Pedro Teixeira, e o de Judite Sousa e representa hoje grande figuras do panorama nacional como, por exemplo, Cláudia Vieira ou Pedro Lima.

Diogo Rocha: o chef do Restaurante “Mesa de Lemos” nasceu em 1983, em Canas de Senhorim, Nelas. Passou por projetos como o Encontrus Catering, Terreiro do Paço, Villa Joya e Valle Flor. Em 2009, assumiu a chefia executiva do grupo Dão Sul, com três espaços de restauração. É na Quinta de Lemos, em Viseu, que lança a sua proposta culinária: regional, em plena comunhão com as novas técnicas, num espaço de excelência e em perfeita harmonia com os vinhos da casa.

Mário Trindade: é atleta de alta competição de desporto adaptado. A escoliose diagnosticada ainda em criança não fez com que Mário Trindade baixasse os braços e, no atletismo, já conquistou vários recordes, nomeadamente um recorde do Guinness, tendo superado a maior distância percorrida em cadeira de rodas. O atleta foi também Medalha de Bronze nos 100 metros no Campeonato da Europa e conta com uma participação no Campeonato do Mundo. Mais recentemente participou no Campeonato Europeu de Atletismo IPC onde conquistou a medalha de prata nos 100 metros e a medalha de bronze nos 400 metros.

Frederico Draw: Frederico Soares Campos é um artista visual nascido em 1988 no Porto. Trabalha maioritariamente com murais de exterior com figuras humanas como tema principal. Também pinta em espaços interiores, telas e faz ilustrações. Formado em Arquitectura, começou a pintar paredes em 2001. Pinta essencialmente a preto e branco, com latas, mas também com tinta plástica, tudo em mão livre e sem recurso a moldes. É o responsável pelos murais da Rua Augusto Hilário e do Bairro Municipal.

Galo Cant'às Duas: a banda Galo Cant’Às Duas é formada por Gonçalo Alegre e Hugo Cardoso. Ambos de Viseu fazem música exótica e psicadélica. Em 2017 lançam o disco de estreia “Os Anjos Também Cantam”, editado pela revista Blitz Records e distribuído pela Sony Music Entertainment. Em agosto de 2018 gravaram “Cabo da Boa Esperança”, um disco gravado em Viseu por opção da banda, mostrando que é possível criar e produzir música de qualidade fora dos grandes centros urbanos.

João Félix: João Félix Sequeira nasceu em Viseu a 10 de novembro de 1999. Começou a jogar no clube “Os Pestinhas”, e de seguida, entrou para as camadas jovens do Futebol Clube do Porto, onde permaneceu durante sete anos. Foi para as camadas jovens do Sport Lisboa e Benfica e estreou profissionalmente aos 16 anos pela equipa B do Benfica, tornando-se o jogador mais jovem a estrear pela equipa B do Benfica. Com a tranferência do Benfica para o Atlético de Madrid protagonizou a maior transferência nacional de sempre e passa a constar também na lista das maiores transferências do futebol mundial.





  • 2002 - 2019 - Jornal do Centro é uma marca registada da Legenda Transparente, lda
  • Desenvolvido por: WLC.PT