A OUVIR 98.9 FM
           00:00:00 | 00:00:00        
      
  
 
        

"Quem não é capaz de tomar conta do partido não consegue tomar conta do país"

Conversa Central, Jorge Coelho
04-08-2019
 

Na última conversa, disse que o tempo anunciado para as obras no IP3 era inaceitável. Entretanto, o presidente das Infraestruturas reuniu com a Comunidade Intermunicipal e Associação Empresarial e disse que o novo prazo é 2024. Ainda assim, há quem desconfie. Os novos prazos são a solução desejada?

Este é um dossiê extremamente complicado e que nos deve levar a todos a ver como funciona um Estado, que neste caso funciona mal. É inadmissível que o IP3 não esteja já resolvido. Felizmente, é preciso dizer agora, que já há uma parte que finalmente entrou em obras, o que quer dizer que agora a correção de tudo aquilo que não foi feito durante anos é irreversível. Mas há um conselho que deixo sempre: os cidadãos desta região têm de estar permanentemente atentos e a saber como vão as coisas para de uma vez por todas isto chegar até ao fim. As datas dadas anteriormente não estavam correctas e andaram a enganar-nos. Penso que o ministro das Infraestruturas na reunião entre a CIM e AIRV foi frontal, verdadeiro e estou convicto que se tivermos todos atentos é possível chegar ao fim desta epopeia.

As listas para as legislativas de outubro são conhecidas. O PS, pelo Círculo de Viseu apostou no autarca de Mangualde. Faz bem João Azevedo trocar a autarquia pela Assembleia da República?

A região de Viseu tem aqui uma grande oportunidade de ter à frente do distrito alguém que vai dar tudo aquilo que pode dar no sentido de fazer com que a região tenha a possibilidade de ter um desenvolvimento maior do que aquele que temos. João Azevedo é alguém que tem demonstrado uma determinação e capacidade notáveis. Há aqui um combatente que tem feito em Mangualde coisas extraordinários e que pode fazer o mesmo no distrito. É uma excelente escolha, alguém muito bem preparado para dar o salto no desenvolvimento do distrito.
O PSD está a viver uma tragédia. Um partido em desagregação absoluta, em que ninguém se entende com ninguém. Quem não é capaz de tomar conta do partido não consegue tomar conta do país. Infelizmente, o maior partido da oposição está neste estado e é a hora do PS na região assumir a liderança e João Azevedo é a pessoa certa.

Está prevista, a partir de 12 de agosto, uma greve dos motoristas de matérias perigosas. Em pleno mês de agosto e a pouco tempo de eleições, prevêem-se dias conturbados. Prevê-se um cenário idêntico ao de 2008 em que o país parou, os supermercados ficaram com as prateleiras vazias e os postos de abastecimento de combustível ‘secos’?

Há aqui uma declaração de guerra de um conjunto de profissionais, mas muito em particular do advogado do sindicato que representa uma parte, que não é uma declaração de guerra ao governo, é ao país. Não tem sentido uma desproporcionalidade desta natureza face ao problema que se coloca. Bem, pode-se perguntar, mas estão a discutir os seus salários e condições de trabalho, mas é preciso que as pessoas saibam que a discussão dos salários de 2020 e 21 já está feita. Ora isto cheira- -me que há aqui mais qualquer coisa além de um problema laboral. Há uma declaração de guerra para a qual o governo tem de dar a sua resposta e ele está a fazê-lo e os portugueses vão apoiar porque os portugueses não suportam este tipo de atitudes de um conjunto de pessoas que põe em causa o funcionamento de um país e a vida das pessoas.
O governo faz muito bem em estar a preparar-se para de uma forma muita concreta impedir esta greve. Esta greve tem outros objetivos que não são só o conflito laboral entre as duas partes (sindicatos e ANTRAM).

No plano internacional, Mário Centeno está bem posicionado para o FMI, mesmo depois dos rumores que o davam fora da corrida?

Quem está a organizar este processo é o governo francês que já fez perceber que ele está na lista. Mário Centeno tem hoje um peso nas instituições europeias e, concerteza, é um forte candidato a este importante lugar.





  • 2002 - 2019 - Jornal do Centro é uma marca registada da Legenda Transparente, lda
  • Desenvolvido por: WLC.PT