A OUVIR 98.9 FM
           00:00:00 | 00:00:00        
      
  
 
        

Assembleia Municipal de Nelas aprova moção contra exclusão do IC12 e IC37 do PNI

Edição de 8 de março de 2019
09-03-2019
 

A Assembleia Municipal de Nelas aprovou a moção onde se condena o adiamento sistemático da ligação do IC12, entre Canas de Senhorim e Mangualde (A25), e o “eixo de ligação” Viseu, Nelas e Seia através do IC37. Vias que continuam por construir e não foram incluídas no Programa Nacional de Investimentos. A moção foi apresentada pelo CDS e levou a própria bancada dos deputados socialistas (em maioria) a mostrar o cartão amarelo ao Governo ao absterem-se na sua aprovação.

António Sousa (PS) esclarece que “todos já expressámos que continuamos contra esta decisão do Governo por não respeitar esta região e os seus eleitores ao ter decidido não contemplar ligações de vital importância para majorar o desenvolvimento turístico e económico da Serra da Estrela”.

Já o CDS refere que a “exclusão do IC 37 (Seia-Viseu) e da sempre adiada conclusão do IC 12 (troço Canas de SenhorimMangualde) irá lesar a mobilidade e a acessibilidade das populações do Planalto Beirão onde o concelho de Nelas será, sem sombra para dúvidas, o mais prejudicado nestas opções políticas”.

A moção apresentada “condena as opções do Governo da República no Programa Nacional de Investimentos 2030 onde, mais uma vez, foi preterido o Planalto Beirão em favor de outras regiões; solicitar uma tomada de posição, veemente e mediática, da presidência da Câmara Municipal de Nelas que sensibilize o Governo e a Assembleia de República para a injustiça destas opções, mobilizando politicamente a comunidade local para esta injustiça gritante”, solicitando ainda “um empenhamento, ativo” da Comunidade Intermunicipal Dão Lafões.

A propósito destas vias, também o Movimento de Apoio à Construção dos Itinerários da Serra da Estrela (MAIS) apelou ao Governo para que inclua estes eixos rodoviários no Programa Nacional de Investimentos.

Numa carta enviada ao Governo, o MAIS lembra que surgiu em julho de 2010 para defender a construção dos Itinerários Complementares (IC) 6, 7 e 37, à Serra da Estrela. Também de acordo com este protesto contra o Governo estão os socialistas de Seia, liderados pelo presidente da Câmara Municipal.





  • 2002 - 2019 - Jornal do Centro é uma marca registada da Legenda Transparente, lda
  • Desenvolvido por: WLC.PT