A OUVIR 98.9 FM
           00:00:00 | 00:00:00        
      
  
 
        

Escola Básica e Secundária de Penalva do Castelo cai a pique no "ranking"

Edição de 22 de fevereiro de 2019
24-02-2019
 

Do 150º lugar em 2017, a EB e Secundária do concelho penalvense desceu para a posição 412, uma queda de 262 lugares. Segundo o “ranking”, trata-se da maior descida da tabela.

Uma posição que não preocupa a diretora do Agrupamento de Escolas por considerar que a classificação tem muito a ver com o número de alunos que vão a exame. “Na nossa escola temos pouquíssimos alunos e apenas cerca de 20 foram a exame e basta dois ou três terem um desempenho mais fraco, em termos de média, para alterar os resultados”, explica Rosa Figueiredo acrescentando que “num universo mais significativo, mesmo que tenha alguns alunos com médias baixas, os outros acabam por nivelar”.

Segundo a responsável, os professores trabalham com os alunos e desenvolvem estratégias diversificadas. “Os encarregados de educação também acompanham os alunos e tentamos acompanhá-los o melhor possível, só que depende do nosso universo que é extremamente reduzido”, realça, acrescentando que “qualquer ano menos bom dá origem a estes saltos na tabela”. Na opinião de Rosa Figueiredo, os “rankings valem o que valem e não podem ser analisados de forma descontextualizada”.

Estratégias para incentivar ao estudo

Segundo a diretora do Agrupamento de Escolas de Penalva do Castelo, nem sempre é possível “arranjar estratégias motivadoras para os alunos porque os exames não se compadecem com estratégias diversificadas”. Rosa Figueiredo realça o facto da escola não poder recorrer a explicações “como outras que ultrapassam todo os rankings possíveis e imaginários” porque o nosso meio, em termos económicos, não é favorável, procuramos a nível de escola dar a melhor resposta possível dentro das condicionantes que temos”.

Mortágua foi das que mais subiu

A Escola Secundária Dr. João Lopes de Morais, em Mortágua, foi a segunda que mais lugares subiu em 2018, escalando 249 lugares, até à 174ª posição, segundo dados do Ministério da Educação relativos aos exames do ano passado.

Numa análise mais ampla e tendo como base os exames do 9º e 12º anos, a Escola Secundária Alves Martins é a que, no distrito de Viseu, está melhor classificada, surgindo em 39º lugar numa tabela que tem nas primeiras 28 posições, escolas privadas. A pior classificada do distrito, no lugar 485 está a Escola Secundária de Cinfães.





  • 2002 - 2019 - Jornal do Centro é uma marca registada da Legenda Transparente, lda
  • Desenvolvido por: WLC.PT