A OUVIR 98.8 FM
 

Músico nova-iorquino, William Basinski, em Viseu

Jardins Efémeros, Catedral de Viseu

2017-07-13

 

A Catedral de Viseu acolhe sábado (15 de julho) a apresentação do mais recente trabalho de William Basinski “A Shadow In Time”.
O último trabalho do músico e compositor nova-iorquino é composto por duas faixas. A primeira é uma homenagem a David Bowie, e na seguinte, Basinski recupera o VoyetraEight, um sintetizador obsoleto.
Ainda no sábado, nesta sétima edição dos Jardins Efémeros, os portugueses Pop Dell’Arte, Tiago Pereira e o Grupo de Percussão de Valhelhas – projecto comunitário, apresentam, em conjunto, uma versão do tema Ritual Transdisco, com a duração prevista de 20 minutos,no Adro da Igreja da Misericórdia.
Na sexta-feira (14 de Julho), às 21h30, a Igreja da Misericórdia será o palco da atuação do trio dinamarquês Vanessa Amara, da editora Posh Isolation, que está em residência artística em Viseu.
Esta noite (13 de julho) George Marvinson expõe o projeto a solo de Tiago Vilhena, da banda portuguesa Savanna, na Praça D. Duarte, pelas 22h00.
Os Jardins Efémeros decorrem até domingo (16 de julho) no centro da cidade de Viseu com um programa cheio de atividades.





  • 2002 - 2017 - Jornal do Centro é uma marca registada da Legenda Transparente, lda
  • Desenvolvido por: WLC.PT