A OUVIR 98.9 FM
           00:00:00 | 00:00:00        
      
  
 
        

O Indo Eu sugere neste verão...

Indo Eu, agenda, verão, região
03-07-2018
 

Jardins Efémeros de 6 a 10 de julho

Sob o mote “o corpo” os Jardins Efémeros estão para ficar na cidade de Viseu. Artes visuais, arquitetura, som, cinema, pólis oficinas, mercados, teatro e danças, são o extenso leque de diversidade cultural que o festival vai oferecer durante os quatro dias de duração, em vários pontos da cidade.

Atuações de Félicia Atkinson, Cindy Talk e também um showcase com Dirty Coal Train, volcano skin, basalto e Galo Cant’às duas, são algumas das novidades da edição deste ano. É caso para dizer, “Corpos, sejam bem-vindos.”

Solos & solidão de maio até setembro

Se em abril há águas mil, para a Cooperativa Acrítica, em maio houve cinema, em junho teatro e em agosto há artes. Setembro traz fotografia e em outubro há música. Assim funciona o projeto solos & solidão. Cinco meses, cinco temas e com artistas de cada uma destas áreas a dar o melhor de si. Abra a agenda, e escolha o mês.

Tom de Festa de 19 a 21 de julho

São três dias de fado, funk mestiço, o rock e o kuduro, a música coral e filarmónica entre outros géneros musicais que poderá encontrar nesta edição do festival tondelense que é uma das grandes apostas da ACERT.

Cinema na Cidade de 23 a 27 de julho

Durante cinco dias, a praça D. Duarte, em Viseu, transforma-se numa autêntica sala de cinema. “Cinema na Cidade” está de volta com cinco filmes que ficaram para a história no mundo cinematográfico.

“Lady Bird” abre a sessão deste ano às 21h30 seguido pela “Ilha dos cães” no dia 24. Dia 25 há sessão especial no Museu Grão Vasco, com filmes musicados numa categoria denominada de Filmes-Concerto. “Pat e Mat” regressa à praça Dom Duarte no dia 26 e antes de se limpar a sala de cinema, ainda há tempo de “Cinema Paraíso” no dia 27.

 

Europeade de 25 a 29 de julho

A celebrar 55 anos de existência e juntando ao facto de Viseu ser a Cidade Europeia do Folclore, a Europeade 2018 vai dançar em terras de Viriato. Com cerca de cinco mil pessoas de 23 nacionalidades em solo viseense e mais de 180 grupos folclóricos, não faltará música, dança, animação e, claro, muito folclore.

Festival de Jazz de Viseu de 1 a 5 de agosto

Se o 31 de julho é o melhor dia para casar, o dia 1 de agosto é o melhor dia para ouvir jazz. Isto porque Viseu recebe até ao dia 5 o festival dedicado a este género musical. Utilizando o parque Aquilino Ribeiro como um palco natural, conte com muito groove e jam sessions para começar em grande o mês de agosto.

Feira de S. Mateus 2018 de 9 de agosto a 16 de setembro

Considerada como a maior festa de toda a região, a Feira de S. Mateus está de regresso para mais um mês de muita animação. Diogo Piçarra, Agir, Xutos e Pontapés, Maria Rita e muito outros integram um cartaz recheado e que tem como objetivo atingir patamares cada vez mais elevados. Filomena Cautela marcará também presença no certame anual para apresentar o concurso dos vestidos da Chita com o patrocínio do Jornal do Centro.

Viseu Rock Fest de 21 a 22 de agosto

Para os fãs de ri­ffs longos, não há sítio mais rock and roll na região do que o Viseu Rock Fest. De 21 a 22 de agosto, este evento, que vai já na sexta edição, leva à Associação Social, Desportiva e Recreativa de Quintela de Orgens (ASDREQ) muita energia com atuações de Process of Guilt e Anarchicks como cabeça de cartaz, bem como a banda Torn, num tributo à banda californiana Korn. Os concertos começam às 16h00 e os bilhetes custam 5 euros para compra antecipada, e 10 no dia do festival.

Zigurfest de 29 de agosto a 1 de setembro

A cidade de Lamego volta a dar música pela cidade com a oitava edição do TRC Zigurfest. O festival de nova música portuguesa, tem este ano quatro palcos e um leque recheado de artistas. Bardino, David Bruno/DB, Moon Preachers são alguns dos nomes que marcarão presença de 29 de agosto a 1 de setembro. Espaços como o Teatro Ribeiro Conceição, o Castelo, o Alameda ou a Olaria serão palcos deste festival. Este ano, tanto o campismo como o próprio festival são gratuitos.





  • 2002 - 2019 - Jornal do Centro é uma marca registada da Legenda Transparente, lda
  • Desenvolvido por: WLC.PT