A OUVIR 98.9 FM
           00:00:00 | 00:00:00        
      
 
        

Cláudio Ramos fora do Mundial de futebol

Tondela, seleção nacional, Mundial 2018, Cláudio Ramos

15-05-2018
 

Cláudio Ramos não vai ao Campeonato do Mundo. O guarda-redes do Tondela não consta na lista dos 35 pré-convocados do selecionador Fernando Santos, estando definitivamente afastada a hipótese do nº1 tondelense ir ao Mundial da Rússia, que acontece entre 14 de junho e 15 de julho.
Depois de mais uma grande época onde as exibições do guardião dos auriverdes foram elogiadas, muito se falou da possibilidade do jogador tondelense integrar a seleção lusa.
Paulo Cadete, antigo treinador do Tondela, é uma das vozes que sublinha a qualidade de Cláudio Ramos e em conversa com a Rádio Jornal do Centro lembrou os primeiros anos do atleta, no emblema de Tondela, onde, nessa altura, já via um talento acima da média. “O Cláudio chegou do Guimarães, via nele um menino mas via nele uma grande capacidade, de não desistir, de querer mais. Treinou sempre no limite e a partir do segundo ou terceiro ano vi que o Cláudio ia lá, que ia ser o nº 1 do Tondela. E hoje é o que se vê”, afirmou.
Paulo Cadete defende que Cláudio Ramos está a trabalhar para ser uma referência mundial e que a altura do guarda-redes não é impeditivo para chegar à seleção e acredita que isso vai acabar por acontecer. “Tem todas as condições para ir à seleção nacional. Mas também não cai ‘o Carmo e a Trindade’ se não for a este mundial. Haverá outros e até o Europeu. O Cláudio está a trabalhar para ser chamado à seleção e estou convencido que mais tarde ou mais cedo isso vai acontecer. Quanto à altura, Manuel Bento era baixinho e foi um grande guarda-redes de seleção e acho que era mais baixo que o Cláudio. Não vamos por alturas mas por qualidade. Penso que o Cláudio está a trabalhar para ser uma potência mundial”, concluiu.
José Sá, adjunto de Pepa no Tondela, já havia lançado a discussão publica ao elogiar as qualidades do guardião no final de um jogo. Também Pepa havia afirmado no decorrer da época que Cláudio Ramos tinha razões para sonhar com essa possibilidade. “ Tem estado a fazer uma época extraordinária e é natural e legítimo que tenha esse sonho”, disse.

Veja a lista de pré-convocados:
Guarda-redes - Anthony Lopes (Lyon), Beto (Goztepe) e Rui Patrício (Sporting)
Defesas - Antunes (Getafe), Bruno Alves (Rangers), Cédric Soares (Southampton), João Cancelo (Inter), José Fonte (Dalian Yifang), Luís Neto (Fenerbahçe), Mário Rui (Nápoles), Nélson Semedo (Barcelona), Pepe (Besiktas), Raphael Guerreiro (Dortmund), Ricardo Pereira (FC Porto), Rolando (Marselha) e Rúben Dias (Benfica)
Médios - Adrien Silva (Leicester), André Gomes (Barcelona), Bruno Fernandes (Sporting), João Mário (West Ham), João Moutinho (Mónaco), Manuel Fernandes (Lokomotiv), Rúben Neves (Wolverhampton), Sérgio Oliveira (FC Porto) e William Carvalho (Sporting)
Avançados - André Silva (Milan), Bernardo Silva (Manchester City), Cristiano Ronaldo (Real Madrid), Éder (Lokomotiv), Gelson Martins (Sporting), Gonçalo Guedes (Valência), Nani (Lazio), Paulinho (SC Braga), Ricardo Quaresma (Besiktas) e Ronny Lopes (Mónaco)

 

Foto: CD Tondela






  • 2002 - 2018 - Jornal do Centro é uma marca registada da Legenda Transparente, lda
  • Desenvolvido por: WLC.PT