08 Jul
Viseu

Região

Escola Superior Agrária de Viseu testa qualidade dos produtos da região

por Redação

22 de Junho de 2020, 18:08

Foto Arquivo Jornal do Centro

CLIPS ÁUDIO

A Escola Superior Agrária de Viseu vai começar a testar a qualidade dos produtos endógenos da região.

O estabelecimento de ensino superior vai oferecer o seu laboratório de análise alimentar aos produtores regionais, aproveitando espaços e equipamentos já existentes na escola.

Ao Jornal do Centro, a professora e vice-presidente da instituição, Maria João Lima, diz que esta é uma iniciativa a pensar nos produtores que não têm acesso aos laboratórios.

“Queremos faz análises a diferentes tipos de alimentos, sobretudo aqueles que têm maior representatividade na região como azeites, vinhos, lacticínios e carnes. Os produtores locais não têm acesso a estes laboratórios e o objetivo será o da escola poder ceder um conjunto de análises relacionadas com a qualidade e segurança alimentar, verificando a qualidade da matéria-prima ou até a possibilidade de utilizações, para diferentes alimentos”, explica.

A participação dos estudantes nas análises pode vir a ser equacionada. Maria João Lima diz que o laboratório será de prestação de serviços e irá contar com um “técnico superior que vai estar vocacionado para o trabalho”. “Não quer dizer que não há participação dos estudantes, até para aprenderem e fazerem um conjunto de análises em aulas”, afirma.

A análise aos alimentos vai ser paga, mas o preço será simbólico. “Pretendemos dar apoio aos produtores, nomeadamente com análises, mas também estar disponíveis para resolver vários tipos de problemas que os problemas possam ter e, de alguma maneira, ajudar com a nossa investigação. É uma ponte que tentamos fazer para ter uma interação mais próxima”, remata Maria João Lima.

A escola também quer acrescentar outros parâmetros para análise no apoio às empresas e aos produtores do setor na região.

Ouça e trabalhe ao mesmo tempo

Destaques

Podcasts