26 Mai
Viseu

GERAL

Covid-19: Dois casos confirmados na escola Emídio Navarro, em Viseu

por Redação

21 de Março de 2020, 21:57

Foto Arquivo Jornal do Centro

Escola encerra 14 dias. Apelo à comunidade educativa para estar atenta e seguir as recomendações das autoridades de saúde

CLIPS ÁUDIO

Há dois casos confirmados de pessoas contaminados com o novo coronavírus na escola Emídio Navarro, em Viseu. Um dos casos está no Hospital da Guarda, o outro em isolamento em casa. As autoridades de saúde colocaram já muitas dezenas de pessoas em vigilância ativa e apelam à comunidade educativa deste estabelecimento de ensino para terem em consideração as informações que estão a ser transmitidas pela Autoridade de Saúde do ACES Dão Lafões.

Docentes, funcionários, alunos e encarregados de educação estão a ser informados da situação. Há vários testes que também estão a ser efetuados e foram enviados para o hospital da Guarda, uma vez que os professores infetados deram aulas antes da pausa decretada pelo Governo. A escola vai estar totalmente fechada nos próximos 14 dias.

Numa nota divulgada à comunidade educativa através da página online, a direção da escola escreve que na sequência da “identificação dos casos confirmados de Covid-19, cuja investigação epidemiológica está a decorrer, reforça-se a necessidade de cumprimento das medidas de prevenção”.

Esclarece ainda que todos os contactos próximos dos casos confirmados que foram referenciados “já se encontram em isolamento profilático e vigilância ativa”, ou seja a serem contactados diariamente pelas autoridades de saúde para vigiar os sintomas e perceber a evolução do estado clínico. “Conseguimos delimitar tudo o que foram contactos próximos”, confirmou ao Jornal do Centro fonte dos serviços de saúde pública, referindo, no entanto, que dentro de uma comunidade escolar as “interações são intensas”, daí o apelo alargado.

Ao que o Jornal do Centro conseguiu apurar, os casos farão parte do corpo docente. Um foi testado positivo na quinta-feira, altura em que foi colocado no terreno todos os procedimentos para conter a cadeia de contágio. Horas depois chegou a confirmação do segundo caso. Trata-se de uma cadeia de transmissão que já foi estabelecida e identificada pelas autoridades.

“Os elementos da comunidade escolar da Emídio Navarro devem vigiar eventuais sintomas, nomeadamente febre, tosse ou dificuldade respiratória. Caso surjam sintomas, deverão contactar a linha SNS24”, apelam a direção e as autoridades de saúde. “Toda a comunidade educativa deve ter em consideração as recomendações e as informações que são dadas”, reforça ainda. 
Do lado da Associação de Pais o apelo vai para a necessidade de "manter a calma sem alarmismo", uma vez que a comunidade escolar está a ser avisada e contactada pelas autoridades. "É importante que as recomendações  sejam cumpridas e se mantenham em casa", diz.

Ouça e trabalhe ao mesmo tempo

Destaques

Podcasts