A OUVIR 98.9 FM
           00:00:00 | 00:00:00        
      
  
 
        

Autarca de Moimenta da Beira garante que transportes contratados cumprem o interesse público

12-06-2019
 

O presidente da Câmara de Moimenta da Beira confirmou esta quarta-feira (12 de junho) a presença da Polícia Judiciária (PJ) nas instalações do município e disse estar convicto de que se prove que na autarquia se cumpre o interesse público municipal no setor dos transportes.

José Eduardo Ferreira explicou que a Transdev, empresa envolvida nesta investigação da PJ hoje tornada pública, “há muito tempo que faz as carreiras públicas no município de Moimenta da Beira e nos outros da região e que, por isso, foi feito o ajuste direto para o transporte escolar”.

“Que se investigue. E que onde não há ilegalidade, onde se comprove que se cumpre o interesse público municipal, como é o caso de Moimenta da Beira, que se clarifique, até porque o código de contratação pública foi alterado e eles são mais antigos no tempo”, acrescentou.

O autarca explicou que “havia várias empresas de transportes na zona que, entretanto, a Transdev adquiriu”.

“E, por isso, ficou a fazer sozinha o município de Moimenta [da Beira] e os restantes na região”, explicou.

Já o autarca de Cinfães, Armando Mourisco, disse ao Jornal do Centro que ninguém do município foi ouvido pela PJ e que apenas foram levados documentos relativos a 2018.

A Polícia Judiciária (PJ) realizou hoje buscas em 18 câmaras municipais das regiões Norte e Centro, relacionadas com um alegado esquema fraudulento de viciação de procedimentos de contratação pública, informou fonte policial.

A operação, com o nome de código “Rota Final”, incluiu também buscas em entidades públicas e empresas, sendo realizadas pela Diretoria do Norte da PJ, com o apoio de vários departamentos de investigação criminal e da Diretoria do Centro, no âmbito de um inquérito titulado pelo Departamento de Investigação e Ação Penal (DIAP) de Coimbra.

Ao todo, foram 50 as buscas realizadas, envolvendo 200 elementos da Polícia Judiciária - inspetores, peritos informáticos, peritos financeiros e contabilísticos.

As 18 câmaras alvo de buscas foram as de Águeda, Almeida, Armamar, Belmonte, Barcelos, Braga, Cinfães, Fundão, Guarda, Lamego, Moimenta da Beira, Oleiros, Oliveira de Azeméis, Oliveira do Bairro, Sertã, Soure, Pinhel e Tarouca.

A operadora de transportes públicos Transdev é também uma das visadas nas buscas.





  • 2002 - 2019 - Jornal do Centro é uma marca registada da Legenda Transparente, lda
  • Desenvolvido por: WLC.PT