A OUVIR 98.9 FM
           00:00:00 | 00:00:00        
      
 
        

Balcão do agricultor na Casa dos Arcos

Edição de 9 de fevereiro de 2018

12-02-2018
 

Acaba de se criado o Balcão do Agricultor de Santa Comba Dão. Trata-se de um espaço a funcionar na Casa dos Arcos (junto ao Tribunal) que pretende contribuir para dinamizar o setor com ferramentas colocadas ao serviço dos agricultores e investidores agrícolas locais.

A nova estrutura é o resultado final de um protocolo de parceria assinado entre Câmara Municipal de Santa Comba Dão e a Confederação Nacional dos Agricultores (CNA).

Nos termos do acordo formalizado entre as duas partes sabe-se que o Município de Santa Comba Dão, enquanto parceiro, contribuiu ao disponibilizar as instalações e equipamentos, mobiliários e informáticos adequados a um atendimento personalizado, participando ainda na criação e desenvolvimento de iniciativas de promoção e divulgação do Balcão do Agricultor junto da população e dos agricultores locais, ou mesmo da região.

A CNA fica com a responsabilidade de implementar e desenvolver a divulgação, aconselhamento e apoio técnico e logístico aos agricultores, em termos das políticas nacionais e comunitárias, em função da legislação vigente.

Segundo o mentor do projeto do Balcão do Agricultor, Cláudio Jesus, “Santa Comba Dão poderá não ter pergaminhos na área agrícola, poderá não ser uma referência neste ou naquele setor de atividade agroflorestal ou agropecuário ou agroalimentar, mas não deixa de ter superfície agrícola útil, superfície florestal, iniciativas agropecuárias e uma localização que poderá potenciar qualquer indústria agroalimentar”.

Cláudio Jesus entende que “o Balcão do Agricultor de Santa Comba Dão surgiu para ajudar o agricultor/investidor agrícola a otimizar os seus recursos e as suas
iniciativas e só faz sentido se for usado e se for encarado como um elemento que contribui para o dinamismo desta importante fileira”.

No concelho existem três grandes explorações agrícolas e agropecuárias, localizadas em Óvoa, Pinheiro de Ázere e Treixedo, e cerca de duas dezenas explorações agrícolas com estufas para garantir produções locais de diferentes espécies e produtos hortícolas e frutícolas.






  • 2002 - 2018 - Jornal do Centro é uma marca registada da Legenda Transparente, lda
  • Desenvolvido por: WLC.PT