A OUVIR 98.8 FM
           00:00:00 | 00:00:00        
      
 
        

Casas afetadas pelos incêndios de outubro reconstruídas até final do ano

Incêndios, Tondela, casas, obras
 

Ana Abrunhosa

Presidente da CCDR Centro


 

José António Jesus

Presidente da Câmara Municipal de Tondela


 

António Costa

Primeiro-ministro


08-02-2018
 

A reconstrução das casas afetadas pelos incêndios de outubro deve ficar concluído até ao final deste ano. A garantia foi dada pela presidente da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Centro (CCDRC), Ana Abrunhosa, esta quinta-feira (8 de fevereiro) em Tondela durante a cerimónia de lançamento da primeira empreitada de reabilitação que contou com a presença do primeiro-ministro, António Costa.

“Esta empreitada vai permitir a reconstrução parcial e total de cerca de 100 habitações. O valor-base do procedimento é de 9,6 milhões de euros com dinheiros públicos e portanto, há fases que temos de cumprir. Não vale a pena comparar com Pedrógão Grande porque os períodos [de reconstrução] vão ter de ser mais longos [mas] tudo faremos para que seja o mais breve possível”, afirmou a responsável.

Já a Câmara de Tondela recebeu cerca de 250 pedidos para a reconstrução de casas no concelho, dos quais 174 foram concretizados para primeiras habitações. O autarca José António Jesus salientou que a autarquia tondelense foi a primeira a assinar protocolo com a CCDRC para a realização do processo em setembro do ano passado

A acompanhar o presidente da autarquia e Ana Abrunhosa, esteve o primeiro-ministro António Costa, que apelou ao esforço de todos para que os incêndios trágicos não se repitam. “Neste momento em que nos devemos congratular com a energia que o país está a demonstrar na capacidade de se reconstruir face à destruição, temos de pensar que não queremos ver novamente o país destruído como tivemos neste verão [passado]”, disse.

“Não estamos a falar só de casas. Foram muitas vidas humanas que se perderam e essas não são reconstruíveis e não queremos ter esses riscos. Por isso, os incêndios do verão apagam-se no inverno e com o trabalho de que cada um de nós fizer agora”, concluiu o chefe do Governo.





  • 2002 - 2018 - Jornal do Centro é uma marca registada da Legenda Transparente, lda
  • Desenvolvido por: WLC.PT