27 out
Viseu

Região

Covid-19: funcionária de lar de Sernancelhe com caso positivo. 50 pessoas em isolamento. Equipa de futsal também afetada

por Redação

03 de setembro de 2020, 16:05

Foto Arquivo Jornal do Centro

CLIPS ÁUDIO

Há mais uma infetada pela Covid-19 em Sernancelhe. Trata-se de uma mulher, funcionária do lar de idosos da Misericórdia local, que está agora em isolamento. Todas as pessoas que contactaram com a nova doente também já estão em isolamento profilático.

O concelho passou a ter seis casos ativos nesta altura. O provedor da Misericórdia, Romeu Santos, adianta que a infetada fazia noites no lar.

“Ela disse ter sentido um pequeno sintoma. Ela teve teste positivo. Trabalhavam mais duas funcionárias, que também já foram para casa e vão fazer testes”, afirma ao Jornal do Centro. Ainda não há uma data para a realização dos testes. Todos os utentes e funcionários do lar e da unidade de cuidados continuados da Santa Casa vão ser testados.

Romeu Santos acrescenta que a instituição está a receber o apoio da Segurança Social e conta em breve ser também ajudada pela Cruz Vermelha com pessoal.  “Temos o apoio da Segurança Social, a nível dos recursos humanos e dos materiais. Também vamos ser apoiados pela Cruz Vermelha, que tem um protocolo com a Segurança Social”, frisa.

Romeu Santos garante, ainda, que a Misericórdia vai reforçar as medidas de segurança. O provedor refere que “temos vindo a ser bastante rigorosos” com a pandemia.

“Nós já temos as visitas canceladas há dois meses, porque já estávamos a contar com isto. Temos utentes e familiares estrangeiros e já sabemos que eles queriam chegar aqui e dar beijos e beijocas aos utentes. Isso não aconteceu porque conseguiam apenas falar através da janela. O salão da ERPI (estrutura residencial para os idosos) tem uma parte de vidro e os familiares estavam fora a falar para dentro através do telemóvel”, afirma.

Segundo a Administração Regional de Saúde do Norte, as autoridades de saúde já estão no terreno e a implementar todas as medidas necessárias. Desde o início da pandemia, Sernancelhe acumula um total de 11 doentes registados pelas autoridades de saúde.

Os restantes cinco casos ativos foram registados na comunidade local, com ligações à equipa de futsal da Casa do Benfica e à Escola Básica da vila. Mais de 50 pessoas estão em isolamento no concelho.

 

Portugal com mais dois mortos e 418 novos casos de infeção

A nível nacional, Portugal regista, esta quinta-feira (3 de setembro), mais dois mortos e 418 novos casos de infeção por Covid-19, em relação a quarta-feira (dia 2), segundo o boletim epidemiológico diário da Direção-Geral da Saúde (DGS).

De acordo com o boletim, desde o início da pandemia, registam-se 59.051 casos de infeção confirmados e 1.829 mortes.

Os dados da DGS indicam que as duas vítimas mortais foram registadas na região de Lisboa e Vale do Tejo, que contabiliza 30.415 casos (mais 207) e 673 mortos.

A região Norte regista mais 177 novos casos, somando agora um total de 21.302, com 849 mortos.

Na região Centro registaram-se mais sete casos, num total de 4.860, com 253 mortos contabilizados desde o início da pandemia.

No Alentejo foram registadas mais três infeções, totalizando 952 casos e 22 mortos desde o início da infeção.

A região do Algarve tem notificados mais 18 casos de infeção por Covid-19, totalizando agora 1.141 casos e 17 mortes desde o início da pandemia.

Os Açores registaram mais dois casos nas últimas 24 horas, num total de 216, mantendo os 15 mortos. A Madeira tem mais quatro casos, contabilizando 165 infeções de Covid-19, sem qualquer óbito desde o início da pandemia.

A DGS avança também que nas últimas 24 horas 194 doentes recuperaram, totalizando 42.427 as pessoas dadas como recuperadas desde o início da pandemia em Portugal.

Segundo o boletim, estão atualmente em vigilância 34.197 doentes, mais 283 face a quarta-feira.

O número de internados desceu para 334 (menos três) e o de doentes em internamento nas Unidades de Cuidados Intensivos subiu para 44 (mais três).

Os casos confirmados distribuem-se por todas as faixas etárias, situando-se entre os 20 e os 59 anos o registo de maior número de infeções.

No total, o novo coronavírus afetou em Portugal pelo menos 26.592 homens e 32.459 mulheres, de acordo com os casos declarados.

Do total de vítimas mortais, 921 eram homens e 908 mulheres. O maior número de óbitos continua a concentrar-se nas pessoas com mais de 80 anos.

A pandemia do coronavírus, que provoca a Covid-19, já provocou pelo menos 863.679 mortos e infetou mais de 26 milhões de pessoas em 196 países e territórios, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Depois de a Europa ter sucedido à China como centro da pandemia em fevereiro, o continente americano é agora o que tem mais casos confirmados e mais mortes.

.

.

Ouça e trabalhe ao mesmo tempo

Destaques

Podcasts