A OUVIR 98.9 FM
           00:00:00 | 00:00:00        
      
  
 
        

Distrito de Viseu prepara-se para o calor desta quinta e sexta-feira

11-07-2019
 

O distrito de Viseu vai entrar a partir desta quinta-feira (11 de julho) numa vaga de calor, estando sob aviso amarelo. O alerta do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) permanece ativo até ao final do dia de sexta-feira (dia 12).

Na região, os concelhos de Carregal do Sal, Mangualde, Nelas, Santa Comba Dão e Tabuaço serão os mais quentes, tendo em conta as elevadas temperaturas máximas na quinta-feira, que, no caso destes municípios, serão de 38º (graus). Viseu e Vila Nova de Paiva serão os concelhos com mais ‘frio’, tendo a previsão de 34º de máxima.

Já na sexta-feira, Tabuaço será o município mais quente, com 39º de máxima. As mínimas nestes dias de aviso amarelo irão rondar à volta dos 20º.

Entre os dois dias, Lamego, Armamar, Tabuaço e S. João da Pesqueira sobem de temperaturas.

Os alertas e os cuidados

Com o calor, os cuidados devem ser redobrados. A delegada de saúde de Viseu, Sara Dias, falou ao Jornal do Centro e deixou alguns conselhos.

“Na exposição solar, ela deve ser evitada entre as 11h00 e as 17h00 durante o dia. Deve ser aplicado o protetor solar, assim como beber água com frequência. Devem ser evitadas bebidas alcoólicas. Quanto aos ambientes frescos, deve-se optar por refrescar as casas durante a noite e deixar as janelas mais fechadas de forma a evitar a entrada de calor, bem como o uso de roupas frescas e confortáveis que cubram o corpo”, explicou.

Nos dias de muito calor, a atenção também deve ser reforçada junto de alguns grupos considerados de risco. Sara Dias salientou os casos das crianças, dos idosos, das pessoas com doenças crónicas, das mulheres grávidas e das pessoas que trabalham em ambientes exteriores ou praticam atividade física.

“Devem estar atentos aos sinais de alerta. Às pessoas mais próximas, devem tomar precauções adicionais no sentido de contactar a pessoa para saber se está bem e saber se ela tem meios de contacto fáceis com familiares e amigos, caso precise de alguma eventualidade”, remata a delegada de saúde.

A Administração Regional de Saúde do Centro já ativou o seu plano de contingência para esta altura. Em caso de necessidade as pessoas devem ligar para a linha SNS 24, 808 24 24 24.

Com as temperaturas altas, o risco de incêndio é também elevado. O ministro da Administração Interna disse que o sistema de proteção civil está “preparado” e pediu aos portugueses para, numa semana de temperaturas elevadas, “evitarem comportamentos de risco”.





  • 2002 - 2019 - Jornal do Centro é uma marca registada da Legenda Transparente, lda
  • Desenvolvido por: WLC.PT