A OUVIR 98.9 FM
           00:00:00 | 00:00:00        
      
  
 
        

Julgamentos adiados no terceiro dia da greve dos funcionários judiciais

Greve, funcionários judiciais
 

Luís Barros

Sindicato dos Funcionários Judiciais


 

Luís Barros prevê os impactos da greve no Ministério Público


07-11-2018
 

Julgamentos estão a ser adiados devido à greve parcial dos funcionários judiciais, que cumpriu o seu terceiro dia esta quarta-feira (7 de novembro) e que irá estender-se até ao final do ano.

Ao Jornal do Centro, o sindicalista Luís Barros, do Sindicato dos Funcionários Judiciais, adianta que a paralisação fez encerrar o juízo de competência genérica de Sátão e o juízo de execução de Viseu, com a consequência do adiamento das audiências. “No Juízo Central Criminal, faltaram cerca de 80 por cento dos funcionários”, acrescenta.

Para quinta-feira (dia 8), a greve vai contar com a aderência dos funcionários do Ministério Público de Viseu. Luís Barros aguarda adesão total e um novo adiamento de julgamentos.





  • 2002 - 2018 - Jornal do Centro é uma marca registada da Legenda Transparente, lda
  • Desenvolvido por: WLC.PT