11 Ago
Viseu

Região

Presidente das Obras Sociais de Viseu mantém-se no cargo

por Redação

29 de Janeiro de 2020, 10:41

Foto Arquivo Jornal do Centro

Direção toma posse esta quarta-feira

CLIPS ÁUDIO

José Carreira mantém-se na presidência das Obras Sociais da Câmara de Viseu. O responsável, que está há sete anos no cargo, foi reeleito presidente por mais quatro anos, tomando posse já esta quarta-feira (28 de janeiro) juntamente com os restantes órgãos sociais.

Em declarações ao Jornal do Centro, José Carreira diz que voltou a candidatar-se à presidência das Obras Sociais “porque não se vislumbraram outras opções para poder dirigir a instituição”.

“Eu sou favorável à renovação dos órgãos sociais e houve essa oportunidade de ter acontecido. Como não se candidataram as listas, a direção tinha o dever estatutário de apresentar uma lista. Eu também estou grato a esta casa, porque lhe devo muito, e temos uma série de projetos de intervenção social e comunitária que nos dão uma grande motivação para continuar a fazer o trabalho”, afirma.

José Carreira sublinha que o setor social tem passado por dificuldades nos últimos tempos, falando mesmo de “uma longa agonia”.

As Obras Sociais de Viseu já estiveram com a corda na garganta em termos de tesouraria. José Carreira assume que o reequilíbrio financeiro foi a tarefa mais complicada que desempenhou desde que está à frente da organização.

Segundo o presidente reeleito, a situação financeira das Obras Sociais já não é tão grave, mas ainda é difícil. “Eu gostaria de dizer que estamos bem, mas não posso dizer. Temos uma situação bastante mais equilibrada do que tínhamos, mas eu costumo dizer que, às vezes, basta um pequeno vento para nós abanarmos. Obriga a uma gestão de grande proximidade e de muita austeridade em todos os dias”, afirma.

José Carreira defende, por isso, o trabalho em rede e com parceiros, para que “possamos levar para o território os nossos serviços e sermos apoiados pelos serviços que prestamos à comunidade”. “As dificuldades são diárias e nós contamos os euros todos os dias”, remata.

Na direção das Obras Sociais, há apenas pequenas mudanças. A instituição social trabalha sobretudo com idosos e crianças.

Ouça e trabalhe ao mesmo tempo

Destaques

Podcasts