A OUVIR 98.9 FM
           00:00:00 | 00:00:00        
      
  
 
        

“Os nossos utentes têm uma particularidade: a fragilidade”

Centro Solidário, entrevista
 

Centro Solidário com José Tomás

Programa completo


08-09-2019
 

Com mais de 400 anos a Santa Casa da Misericórdia de Mangualde presta apoio a mais de 250 pessoas. Dois lares, uma creche e uma Unidade de Cuidados Continuados são as valências disponíveis. Outros projetos estão em andamento. O provedor, José Tomás fala da instituição.

A Misericórdia é a mais antiga instituição de Mangualde…

Sim, a Santa Casa tem mais de 400 anos sendo que esta idade confere-lhe o estatuto de instituição mais antiga do concelho. Uma instituição que resistiu a todas as convulsões da história nos últimos 400 anos. Foi-se adaptando aos novos tempos e conseguiu ter visão de futuro.

Quantos utentes apoiam a Misericórdia?

Acolhemos diariamente nas nossas instalações cerca de 250 pessoas. Todos os nossos utentes têm uma particularidade que é a fragilidade. Frágeis pela idade quer sejam as crianças mas também os idosos, frágeis pela doença ou frágeis pela exclusão social. São pessoas que precisam do nosso apoio.

O primeiro lar a ser criado em Mangualde, há mais de 40 anos, pertence à Misericórdia. O Lar Morgado do Cruzeiro que vai entrar em obras…

É um grande projeto. A ala mais antiga do lar, construída em 1974, vai ser requalificada. Uma intervenção de 1,2 milhões de euros que vai ser alvo de concurso público já no próximo mês.

E como está o projeto das residências assistidas?

As residências assistidas é uma nova resposta social que vamos dispor dentro de dois ou três meses. Estamos em fase de conclusão da obra até porque este espaço vai acolher os utentes do Lar Morgado Cruzeiro durante as obras de requalificação.

Que outros projetos têm para o futuro?

Temos também a ambição de alargamento da Unidade de Cuidados Continuados. Pretendemos aumentar a capacidade para mais 10 camas destinadas à Rede Nacional de Cuidados Continuados. Uma forma de dar mais sustentabilidade financeira a esta resposta social.





  • 2002 - 2019 - Jornal do Centro é uma marca registada da Legenda Transparente, lda
  • Desenvolvido por: WLC.PT